Conhecimento Tradicional e Utilização da Fauna Silvestre em São José da Lagoa Tapada, Paraíba, Brasil

  • Suellen da Silva Santos Universidade Federal da Paraíba – Campus I, João Pessoa, Paraíba, Brasil.

Resumen

A pesquisa foi realizada no município de São José da Lagoa Tapada (Paraíba, Brasil), na comunidade rural denominada de Caatinga, localizada no entorno da Serra de Santa Catarina. Os dados foram obtidos a partir de entrevistas
semiestruturadas, contendo perguntas a respeito dos usos atribuídos as espécies, questões sobre a biologia e ecologia das mesmas. Os Índices do Valor de Uso (VU) e Valores de Uso Médio (VU méd.) foram testados para identificar
as espécies mais importantes segundo a visão das pessoas da região. Foram identificadas 73 espécies silvestres de importância cinegética (50 aves, 17 mamíferos e seis pertencentes a herpetofauna), utilizadas para fins alimentares,
criação como animais de estimação, medicina popular, produção de utensílios artesanais e outros. Sendo notável a importâncias dos recursos faunísticos para a vida do sertanejo, se discutiu possíveis soluções conservacionistas
alertando para a conservação da biodiversidade, levando em consideração o conhecimento tradicional.

Publicado
2019-05-24
Sección
Artículos